São Paulo anuncia novo patrocinador e gera polêmica no Paulistão

​É indiscutível que a fase do Tricolor do Morumbi é péssima dentro e fora das quatro linhas. Pelo Campeonato Paulista, a equipe ocupa a terceira colocação de seu grupo e, nessas condições, estaria fora das quartas de final da competição. Fora dos gramados, sua diretoria não vem realizando um bom trabalho há anos, sendo os principais alvos da torcida o presidente Leco e o diretor de futebol Raí.

Nesta sexta-feira (1°), os mandatários tricolores anunciaram um novo patrocinador para o clube, a AOC, que produz televisões, monitores, um negócio que valerá quase R$ 2 milhões em uma temporada para o Tricolor. O único e grande problema disso é que esta empresa também estampa a camiseta dos árbitros do Campeonato Paulista, fator que fere o Regulamento de Organização de Arbitragem da CBF, em seu artigo 15.

O artigo permite que marcas sejam exibidas nas camisetas dos juízes, porém com uma condição: “Somente se não criarem conflitos de interesses com nenhum dos times participantes. Caso isso aconteça, o árbitro não deve utilizar nenhum anúncio na camisa”

A maneira mais fácil de solucionar o problema seria estampar a marca após o término do Paulistão, em campeonatos que a AOC não patrocina. Entretanto, a empresa quer estar na camisa do São Paulo o quanto antes e o clube pede rapidez para receber pela propaganda.